Marenna: Apresentando suas armas

Marenna_hard_rock_music (18)

Fotos: Gustavo Vara, Leonardo Lopes e Marcelo Schimidt

Quando a música corre pelas veias, a necessidade de criar é constante. Há tempos o cantor e compositor Rodrigo Marenna trabalha para marcar o seu nome na história do Rock Pesado. Além de integrar as bandas Lacroos, Tolbox e Hard Breakers, desde 2014 Rodrigo decidiu investir em sua carreira solo, assim nasce o projeto Marenna. Com o lançamento do EP “My Inconditional Faith”, o músico consegue demonstrar todo o seu potencial. A qualidade musical chama atenção da gravadora dinamarquesa  Lions Pride Music, permitindo que o material seja lançado na Europa, no Japão e nos Estados Unidos. Em 2015, Marenna é um dos finalistas do concurso para participar do tradicional Sweden Rock Festival. 

Enquanto prepara os próximos passos de sua carreira, Rodrigo Marenna encontrou tempo para responder umas perguntas para o Blog.

 

12552598_1660637227528470_4366709276285076321_n

Músico divide seu tempo entre as bandas que integra e sua carreira solo

Insanity: Quando você sentiu a necessidade de apostar na carreira solo? 

Rodrigo: Há muito tempo alguns amigos próximos sempre me diziam que eu tinha que lançar algo com a minha marca, com a minha cara. Passado um tempo, em 2013 comecei a observar o mercado e planejar cada detalhe do que seria o Marenna, e em 2014 tomei a iniciativa e fiz o lançamento sem esperar nada, sem expectativas.

Insanity: Para você, qual a diferença de compor para a Lacross e para Marenna?

 

Rodrigo: As diferenças estão nos temas, na língua, pois no Marenna já componho em inglês direto, e principalmente a estrutura musical das músicas, acho que ambos têm um estilo bem diferente um do outro e bem definidos. Uma vez que na Lacross eu busco sempre trabalhar com elementos modernos, além de misturarmos as influências dos integrantes, já no Marenna, vem tudo da minha orientação musical mesmo.

 

Insanity: Fale sobre a experiência de ser um dos finalistas do concurso para participar do Sweden Rock Festival:

 

Rodrigo: Foi um passo fundamental para que o projeto crescesse, pois sem expectativa nenhuma enviei o material e fomos selecionados. Depois o pessoal se envolveu, comprou a briga para votar no Marenna e quando vimos, estávamos a um passo de irmos tocar lá. Tínhamos três músicas até o momento, então foi surreal, mas de qualquer forma me sinto agradecido, mesmo com o #9 no mundo para este concurso, só me faz acreditar que podemos muito mais.

 

Insanity: Como foi o processo de gravação e composição do EP “My Unconditional Faith”?

 

Rodrigo: Eu tinha as idéias das músicas e juntamente com meu produtores Jonas Godoy e Geraldo Aita, formatamos as músicas do EP, pois a ideia do projeto é justamente esta, formamos um núcleo de gravação e produção entre eu e os produtores. Convidamos músicos para participações especiais, assim todos podem contribuir e serem divulgados, esta foi a ideia inicial do projeto. Trabalharmos em 360º com os convidados, atingindo o público deles e vice-versa. Então para as gravações de bateria, baixo e solos, tivemos alguns convidados especiais, mas o resto foi conduzido por mim e os produtores, tudo acompanhado pela produção vocal de Arthur Appel.

 

Insanity: Como aconteceu a oportunidade do EP ser lançado por um selo da Europa?

 

Rodrigo: Sobre o EP, na verdade não era para existir o EP, eu só queria lançar as músicas na internet, registrar meu legado.Enfim, com a aceitação bacana das músicas e alguns contatos fora do país, percebi que havia uma demanda pela mídia física, então lançamos M.U.F aqui no Brasil, em CD-R mesmo, bem modesto, e ai uns meses depois apareceu a gravadora e quis lançar ele oficialmente na Europa, Japão e EUA e o resto da estória você já sabe (risos).

Marenna EP

Capa do EP “My Inconditional Faith”

 

Insanity: Quem são os músicos que te acompanham na carreira solo?

Rodrigo: Hoje os meus músicos de apoio aqui no RS são: Arthur Appel (baixo e vocal), Aaron Alves (guitarra e vocal), Gionathan Sandi (bateria) e ainda conto com a participação especial de Jonas Godoy (guitarra e vocal) e Maurício Pezzi (teclados) em shows com maior estrutura.

Cabe ressaltar que o Marenna é um projeto solo que busca evidenciar novos talentos, esta é a ideia principal, e não ser mais uma banda no cenário. Isso me dá liberdade para tocar em qualquer lugar do planeta levando a minha marca e explorando talentos locais, fazendo com que a linguagem universal da música e as mensagens destas cheguem ao maior número de pessoas. Essa é a minha missão, unir as pessoas, despertar o que há de melhor nelas e mostrar que você pode conseguir se lutar pelo que quer.

 

Insanity: Fale sobre a produção do clipe ao vivo para a música “Like An Angel”:

 

Rodrigo: Fizemos a captação de áudio e vídeo durante um show que aconteceu no Bar Opinião, no final de 2015. Usamos algumas cenas do show e o áudio foi mixado e masterizado pelo próprio Arthur Appel no seu estúdio, o Broken Glass. A Edição de vídeo foi feita por um grande profissional e velho amigo, Vladi B. Vargas, que já trabalhou para a Universal Music, fazendo trabalhos inclusive para a Fresno.

Insanity: Onde o público pode encontrar o EP?

 

Rodrigo: O EP importado hoje está a venda pelo e-mail rodrigomarenna@gmail.com ou pelo site da Die Hard.

 

Insanity: Como está a agenda de shows da carreira solo?

 

Rodrigo: Está em planejamento constante, em breve iremos divulgar mais algumas datas para este ano e começar a estruturar a agenda do próximo ano.

13516519_1727144004211125_4840152754947272422_n

Marenna está consolidando seu nome no cenário Hard Rock /AOR

Insanity: Você está trabalhando em um novo lançamento?

Rodrigo: Sim, no segundo semestre de 2016 iremos lançar o álbum de inéditas chamado “No Regrets”, fiquem ligados (risos).

Insanity: Deixamos este espaço para você mandar uma mensagem direta para o público:

Rodrigo: Esteja atento as suas escolhas, faça alianças e valorize seus aliados, você vai se surpreender!

Comente usando seu Facebook!

Seja o primeiro a comentar esse post!

Deixe um comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado.

*